Buscar
  • egualiteraria

Edital de contos - Égua Literária 01 - Causos de Visagem

Atualizado: 5 de ago. de 2021

"Não tem como ser ateu no Norte, tem muita visagem."


O que é um causo de visagem?

Não é uma simples história de fantasma, como as que conhecemos no estilo estadunidense, contadas ao redor de uma fogueira à noite em algum acampamento sobre algum fantasma assassino com a mão de gancho ou serial killer com uma motosserra.

E também não é uma simples lenda urbana sobre alguma assombração local ou a versão de uma história para assustar crianças já contada em vários lugares do país.

Os causos de visagem são relatos assombrosos, intrigantes e, como os igapós, possuem raízes profundas aqui na Região Norte.

Estamos falando de relatos de visagens que surgem nos cemitérios e praças, que nos rodeiam nos becos e ruas mal iluminadas de alguns bairros ou uivam por entre as árvores da mata fechada.

Aquela sensação estranha ao se visitar as ruínas de alguma construção colonial, aquele arrepio ao se encontrar sem companhia em um dos edifícios históricos ou nos antigos teatros ou o profundo sentimento de insignificância e de pequenez ao se estar à noite e sozinho, no meio das águas silenciosas do rio, com a imensidão do céu estrelado por cima, o coração palpitando e a lenta compreensão de que existe algo aqui que já vive há milhares e milhares de anos antes de nós nesta antiga terra e que estamos aqui só de passagem…

Isso tudo aqui faz parte do causo de visagem.

A Edição 01 da Revista Égua Literária apresentará esses causos tenebrosos, aterrorizantes e fantasmagóricos da Região Norte, além de entrevistas e artigos de autories nortistas falando sobre como construir narrativas arrepiantes e das visagens que nos assombram por fora e também por dentro…

 

O edital de submissão de contos para a Edição 01 já está disponível e aceitando submissões através deste formulário. Leia atentamente todas as informações do regulamento antes de nos enviar seu conto.


O modelo de arquivo já configurado para a submissão pode ser acessado aqui.

646 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo